No nosso ultimo texto (que você pode acessar aqui) nós falamos sobre a energia solar na área rural e suas diversas utilizações. Hoje, iremos abordar um tópico mais detalhado da aplicação desse tipo de energia em um mecanismo essencial para todo agricultor: o bombeamento de água.

Já foi dito em alguns de nossos textos que a energia solar o permite poupar uma boa renda para que invista em melhorias de processos ou de sistemas. Um dos sistemas que normalmente produtos rurais buscam otimizar é justamente o bombeamento para abastecimento doméstico, irrigação, piscicultura ou em sistema de pecuária.

COMO FUNCIONA O SISTEMA DE IRRIGAÇÃO?

Irrigação é uma técnica milenar que permite o desenvolvimento de culturas sem dependência da chuva. Ter uma plantação bem drenada e com a quantidade certa de água garante alimentos saudáveis e de qualidade.

A maioria das propriedades rurais já possuem hoje um sistema de irrigação particular e que se adapta melhor a sua plantação. Será que colocar um sistema de energia solar não iria atrapalhar todo esse sistema já montado?

A resposta é não. Isso, porque o sistema de irrigação movido à energia solar é adaptado ao sistema já existente e ainda dispensa a utilização de combustíveis ou energia elétrica. A energia é captada por meio de painéis solares instalados em locais que recebem muita luz do sol, fazendo com que sua produção seja mais sustentável e econômica.

Um sistema de irrigação com painel fotovoltaico é constituído basicamente por um gerador fotovoltaico, conjunto moto-bomba, sistemas de armazenamento e sistema de distribuição. Sendo que o sistema de armazenamento e de distribuição, geralmente já existem.

QUAIS AS VANTAGENS DE INVESTIR EM ENERGIA SOLAR PARA IRRIGAÇÃO?

Pensando em agricultores  que plantam em regiões áridas e com escassez de água,  nem sempre eles possuem acesso à energia elétrica para promover a irrigação de sua plantação. O sistema solar, portanto, é perfeito para resolver esse problema, pois só depende dos raios solares para fazer a técnica funcionar. O equipamento possui um valor inicial, mas a médio e longo prazo o investimento vale muito a pena.

Quando falamos em energia fotovoltaica, a primeira vantagem que queremos é a redução de custos.  A técnica de irrigação movida pelo sistema solar pode ser usada por pequenos e grandes agricultores por ser uma alternativa mais barata, já que elimina o uso de combustíveis fósseis, que têm preços muito altos no mercado.

Outra vantagem é a diminuição de trabalhos obsoletos e de uma mão de obra repetitiva e desnecessária. Por que pagar alguém para irrigar as plantas quando se pode ter um sistema que faz isso de forma automatizada na hora em que se quer e da forma que se quer?

CONCLUSÃO

Em resumo, a energia solar permite que diversas técnicas sejam otimizadas e automatizadas. Além disso trás uma economia expressiva para o produtor, além de desenvolver uma cadeia de produção voltada para a redução de impactos ambientais.

A irrigação é uma técnica já consolidada no Brasil – um dos países que possui maior área de irrigação do mundo – e a energia solar é um sistema que vem crescendo e se difundindo entre os diversos campos produtivos. Portanto, é usual que cada vez mais, pequenos, médios e grandes produtores passem a considerar o investimento nesse meio.

A CM Solar é referência em instalação de placas solares no interior do paraná, atendendo diversos clientes tanto na área urbana, quanto na área rural. Se interessou pelo sistema e quer saber mais? Entre em contato, vamos conversar!

Sem comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.