Antes de produzir a própria energia elétrica é preciso saber a diferença entre o sistema on grid e off grid para que você faça a melhor escolha para seu imóvel ou empreendimento. Os dois possuem características diferentes que devem ser levadas em conta na hora de decidir em qual investir.

O sistema de energia fotovoltáica é composto por um conjunto de equipamentos, como as placas solares e o inversor. Esses, são responsáveis por captarem a radiação solar e convertê-la em energia elétrica. No entanto, o kit do equipamento pode variar dependendo se a instalação é on grid ou off-grid.

SISTEMA ON-GRID 

O sistema on-grid possui conexão direta à rede elétrica da concessionária da região. Os principais equipamentos desse modelo são as placas fotovoltáicas e o inversos, além de outras peças de instalação e sustentação do sistema como um todo.

A partir do momento que um sistema fotovoltáico foi registrado junto à concessionária de energia que atende a unidade consumidora, ele pode passar a obter os créditos solares. Quando o sistema produz mais energia do que o imóvel consumiu naquele periodo, a eletricidade gerada é mandada de volta para a rede de distribuição. Isso resulta em créditos que tem a validade de cinco anos para ser debitado da conta de luz, nos meses em que a produção de energia for menor que o seu consumo. Ou seja, se em um determinado mês, o uso de eletricidade aumentar e o sistema fotovoltáico não suprir toda a demanda, o imóvel vai utilizar energia elétrica da rede pública, mas a fatura de energia poderá ter desconto.

Outra vantagem de ter o sistema on-grid e gerar esses créditos, é poder abatê-los da conta de luz de outros imóveis. Isso pode ser feito desde que eles estejam na mesma titularidade e localizados em uma região atendida pela mesma ditribuidora de energia.

SISTEMA OFF-GRID

O sistema Off-grid não é conectado à rede pública. Portanto, ele precisa utilizar de equipamentos diferenciados para ter autonomia. Esses equipamentos são as baterias e controladores de carga.

Pelo fato de ser um modelo autossustentável, e utilizar outros equipamentos, o sistema off-grid costuma ter um valor de investimento maior do que o primeiro modelo.

Não é qualquer pessoa que vai investir nesse sistema solar isolado. Ele é normalmente utilizado para suprir necessidades específicas, como fazer irrigação ou energizar sistemas de segurança em localidades mais isoladas, como em áreas rurais.

O sistema off-grid também utiliza das placas solares e inversores para transformar a luz solar em energia elétrica, a diferença, situa-se no armazenamento dessa energia, que ao invés de ir para a rede pública, é feita por meio de baterias. As baterias garantem que o sistema off-grid funcione mesmo em épocas com pouca radiação, ou até mesmo no período da noite.

Nesse sistema, quando à excedente de produção de energia em relação ao consumo, a energia fica armazenada nas baterias. Da mesma forma, quando o consumo é maior do que a produção, as baterias liberam a energia armazenada para atender as necessidades do imóvel ou empreendimento.

Está pensando em investir em um sistema solar para seu imóvel? Entre em contato, será um prazer conversar sobre qual o melhor modelo para você!

Sem comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.